Nutrição

O alimento é fonte de nutrientes promotores da saúde e do bem-estar, o seu papel vai muito além da sua composição química e nutricional. A comida envolve uma série de significados entre eles, cultura, religião, memórias afetivas, família.

Na infância apreendemos o que comer, quando e como comer com nossos pais, familiares..., mas nem sempre esse aprendizado acontece com alimentos e comportamentos alimentares saudáveis.

A reeducação alimentar é um processo que respeita a cultura alimentar dando opções de troca de alimentos e da melhora do comportamento alimentar, agindo na mudança de alguns hábitos. É aprender que você pode comer tudo, mas sem exageros e de forma equilibrada. Neste processo aprende-se diferenciar fome de desejo, respeitar a saciedade, a hora de parar de comer como lidar e evitar a culpa. Por toda essa parte comportamental que envolve a reeducação alimentar, o ideal é que o acompanhamento seja individualizado e realizado com orientação de uma nutricionista

O alcance de resultados é bem satisfatório e duradouro. E pode iniciar em qualquer momento da vida tanto para melhoria da qualidade de vida como na gestação, amamentação e tratamento de sobrepeso, obesidade, diabetes, hipertensão, hipercolesterolemia, tensão pré-menstrual. , infertilidade.