fbpx

Manchas na gravidez: saiba como evitar esse problema

 

A gravidez é uma fase em que o corpo passa por muitas mudanças, tanto hormonais como visuais. Além do crescimento da barriga, a pele costuma ficar mais sensível e é comum que as mulheres percebam manchas escuras no corpo e no rosto, conhecidas como melasmas. 

 

Existem muitas dúvidas em relação ao tratamento desse problema durante a gravidez. O que acontece é que devido a alterações vasculares e ao aumento dos vasos sanguíneos, a pele da gestante fica mais sensível. Ela fica com a aparência mais avermelhada e irritada, aumentando a dilatação dos vasos e, com isso, a sensibilidade. Normalmente, com a exposição ao sol as chances de desenvolver um melasma aumentam. 

 

É importante lembrar, porém, que algumas partes do corpo da mulher ficam naturalmente escurecidas, como o mamilo, a vulva e a linha do meio da barriga. Sendo considerada uma característica fisiológica.

 

A prevenção ainda é a melhor solução para se ver livre de manchas durante a gestação. Para isso, é indicado o uso de protetor solar diariamente, essa é a principal ação preventiva. Além disso, o interessante é evitar, sempre que possível, a exposição ao sol. 

 

É possível tratar as manchas durante a gravidez?

 

Quando uma mulher descobre que está grávida, é indicado que ela suspenda o uso de dermocosméticos até realizar sua primeira consulta. A partir disso, o especialista avalia quais produtos poderão continuar fazendo parte da rotina de cuidados e quais devem ser evitados, além de receitar novas opções. 

 

Caso as gestantes não tomem cuidados preventivos contra a exposição solar, alguns procedimentos podem ser indicados para os médicos que acompanham a paciente durante a gestação. O peeling de cristal, por exemplo, costuma ser liberado entre esses profissionais e favorece o clareamento da área pigmentada. No período da lactação, as opções de tratamento geralmente aumentam. 

 

O importante é sempre ressaltar que qualquer tipo de procedimento deve passar antes pela aprovação do médico que acompanha a sua gravidez, para evitar qualquer tipo de complicação. Avalie o seu caso com um profissional e sempre que possível previna os melasmas. 

 

Manchas na gravidez: saiba como evitar esse problema

A gravidez é uma fase em que o corpo passa por muitas mudanças, tanto hormonais como visuais. Além do crescimento da barriga, a pele costuma ficar mais sensível e é comum que as mulheres percebam manchas escuras no corpo e no rosto, conhecidas como melasmas.

Existem muitas dúvidas em relação ao tratamento desse problema durante a gravidez. O que acontece é que devido a alterações vasculares e ao aumento dos vasos sanguíneos, a pele da gestante fica mais sensível. Ela fica com a aparência mais avermelhada e irritada, aumentando a dilatação dos vasos e, com isso, a sensibilidade. Normalmente, com a exposição ao sol as chances de desenvolver um melasma aumentam.

É importante lembrar, porém, que algumas partes do corpo da mulher ficam naturalmente escurecidas, como o mamilo, a vulva e a linha do meio da barriga. Sendo considerada uma característica fisiológica.

A prevenção ainda é a melhor solução para se ver livre de manchas durante a gestação. Para isso, é indicado o uso de protetor solar diariamente, essa é a principal ação preventiva. Além disso, o interessante é evitar, sempre que possível, a exposição ao sol.

É possível tratar as manchas durante a gravidez?

Quando uma mulher descobre que está grávida, é indicado que ela suspenda o uso de dermocosméticos até realizar sua primeira consulta. A partir disso, o especialista avalia quais produtos poderão continuar fazendo parte da rotina de cuidados e quais devem ser evitados, além de receitar novas opções.

Caso as gestantes não tomem cuidados preventivos contra a exposição solar, alguns procedimentos podem ser indicados para os médicos que acompanham a paciente durante a gestação. O peeling de cristal, por exemplo, costuma ser liberado entre esses profissionais e favorece o clareamento da área pigmentada. No período da lactação, as opções de tratamento geralmente aumentam.

O importante é sempre ressaltar que qualquer tipo de procedimento deve passar antes pela aprovação do médico que acompanha a sua gravidez, para evitar qualquer tipo de complicação. Avalie o seu caso com um profissional e sempre que possível previna os melasmas.